23 Crenças limitantes mais comuns que estão atrapalhando seu sucesso ( A #15 é a pior)

23 Crenças limitantes mais comuns que estão atrapalhando seu sucesso ( A #15 é a pior)

Às vezes, o que nos impede de ter sucesso não é a falta de oportunidades, mas nossos próprios pensamentos.

A estagnação pode muitas vezes ser um medo constante do fracasso, por isso tentamos evitar enfrentar os obstáculos que surgem em nosso caminho, porque ao invés de ver como uma razão para melhorar, é uma forma de reforçar nossas fraquezas.

Trazendo como consequência uma profunda insegurança que pode passar despercebida por ficarmos no que conhecemos como uma ‘zona de conforto’ que pode diminuir a ansiedade e as preocupações, mas nos impedirá de evoluir. 

Vamos saber quais são as crenças limitantes mais comuns nas pessoas que impedem o sucesso!

23 Crenças limitantes mais comuns:

1. “Eu sou assim!”

Essa é a desculpa mais clássica para evitar dar explicações por comportamentos inadequados, embora seja muito importante ter suas próprias convicções e visão de mundo, nunca é aconselhável se fechar às mudanças. Isso o impede de ver oportunidades benéficas para si mesmo e você terá problemas de comunicação.

As pessoas que têm essa crença limitante resistem à mudança porque pensam que mudar significa ser alguém completamente diferente de quem são ou que isso trará algo negativo para suas vidas, quando não necessariamente tem que ser assim. 

Uma mudança pode ser o impulso ideal para aprimorar suas habilidades e crescer.

2. “A culpa é da cidade, da sociedade, do ambiente…”

Essa crença apenas destaca sua incapacidade de reconhecer e assumir responsabilidades, bem como uma má justificativa de uma consequência causada por um erro cometido. 

É verdade que nem todo ambiente é adequado para nós, mas devemos ter em mente a capacidade de adaptação ao ambiente, ter confiança para interagir e se destacar de forma harmoniosa com todos, ao invés de exigir que tudo se adapte a você.

3. “Eu não consigo” 

‘Porque não consegue?’ ‘Porque sei que não consigo’ é muito comum ouvir isso de alguém que não tem autoconfiança e tem medo de correr riscos para não ter que enfrentar as consequências, mesmo que ajude a melhorar no futuro.

O problema é… como você pode saber que não pode fazer isso se não tentar? Tentar algo novo não é uma indicação obrigatória de que você tem que se dedicar a isso. Se você não gostou ou não funcionou para você, então não faça novamente, mas sempre mantenha o aprendizado.

4. “É melhor guardar as emoções”

‘Chorar na frente dos outros faz você parecer fraco’… Mas aí, você não consegue desabafar? Pessoas com essa crença tendem a conter suas emoções e sentimentos, por medo de serem julgadas pelos outros, rejeitadas ou humilhadas de qualquer forma, o que é uma grande ameaça.

No entanto, essas pessoas tendem a se tornar antipáticas, cínicas, retraídas ou têm dificuldade em se relacionar com as pessoas.

5. “Nunca tive oportunidades”

Outra desculpa muito comum para evitar fazer algo ou tentar algo novo, afinal, se você acha que não tem as oportunidades e os momentos ideais, por que se preocupar em fazer isso? 

Às vezes é necessário encontrar nossas próprias oportunidades em vez de esperar que elas caiam magicamente do céu. É necessário ter em mente que não existe ‘o momento perfeito’, se você quer fazer algo, descubra o que você precisa e faça agora.

6. “A vida é muito injusta”

Não temos as condições certas porque a vida é muito difícil, mas temos novidades para você, a vida é como você a vê. 

Nesse sentido, se você pensa que ela é ruim, verá por toda parte coisas negativas e assim não poderá evoluir mesmo que pense que está tentando, já que está se colocando no maior obstáculo de todos.

7. “Eu não tenho mais tempo”

Muitas pessoas têm a firme convicção de que, se não conseguirem atingir determinado objetivo em certa idade, nunca terão a capacidade de fazer. Quem disse que é assim? Não há limite de tempo para você começar a fazer o que sempre quis, você só precisa da motivação para querer alcançar.

Afinal, você certamente já ouviu o famoso ditado ‘nunca é tarde para começar’.

8. “Eu sempre vou ficar onde estou”

Isso é o que falamos anteriormente sobre ficar na zona de conforto, que pode parecer o ambiente mais conveniente, considerando as próprias habilidades que você pensa ter. Então, isso o impedirá de ter a possibilidade de crescer, mesmo naquilo que você é bom, só por causa do medo de pensar que isso não pode ser feito.

9. “Relacionamentos estão mais difíceis hoje em dia”

Embora atualmente existam desafios maiores para ter um relacionamento com alguém, porque há quem prefira um relacionamento casual ou busque um caminho diferente do seu, o segredo para superar isso é a comunicação e esse é justamente o fracasso neste caso.

Pessoas que sempre se desculpam por não melhorar a qualidade de seu relacionamento, por não se atreverem a sair da zona de conforto ou por acreditar que ninguém é adequado (e vice-versa) geralmente é porque têm problemas de comunicação.

10. “Preciso de um parceiro para ser feliz”

Um grande erro! Para ser feliz num relacionamento e fazer outra pessoa feliz, é preciso primeiro poder ser feliz por nós mesmos, pois nossa própria felicidade só depende de nós e de mais ninguém. 

Se você seguir com essa crença em um relacionamento, poderá ficar mais infeliz do que qualquer outra coisa, porque sempre terá uma ideia distorcida de felicidade.

11. “Por que me arrumar se ninguém vai me notar?”

Por que você tem que ter uma boa aparência para agradar a alguém? É verdade que queremos conseguir uma resposta positiva de uma pessoa, mas nem sempre é assim, pois o autocuidado é apenas um reflexo de se sentir bem consigo mesmo. 

Este é apenas um pretexto para justificar um fracasso, quando é devido à pouca interação, abertura com uma pessoa e baixa autoestima.

12. “Não sei se estou pronto”

Pense por um momento, estamos realmente prontos? A resposta é não. Nunca estamos totalmente preparados para enfrentar algo, pois a experiência se adquire com a prática e se você não começar a fazer, não poderá obter um resultado favorável.

13. “Isso pode esperar”

Como as pessoas não se sentem preparadas, colocam seus desejos em segundo plano, sabemos que não há pressa em atingir nenhum objetivo. Mas, deixar para depois pode se tornar uma tendência a procrastinar, por medo de ter algum tipo de fracasso.

14. “Não sei qual é o meu propósito na vida”

Poucas pessoas sabem o propósito de sua vida desde cedo e seguem um plano em relação a ele, mas não fazer é completamente comum e não há nada de errado, já que seu propósito é só seu e de mais ninguém. Depende de você trabalhar para descobrir.

Mas, como descobrir? Primeiro você deve mudar a crença de ignorar seu propósito para buscar seu propósito, então começar a praticar coisas diferentes até encontrar algo que o apaixone e, finalmente, estudar tudo que você precisa para se aperfeiçoar nisso.

15. “É melhor eu guardar para mim”

Pessoas com grandes problemas de insegurança podem achar que sua opinião ou ponto de vista sobre um assunto não vale a pena ser compartilhado, porque não é bom ou interessante o suficiente para ser conhecido por outras pessoas, então é melhor manter trancado a sete chaves. 

Isso faz com que as pessoas não consigam conhecer o real alcance de suas potencialidades e se sentirão cada vez mais retraídas.

16. “Eles são melhores do que eu”

Uma das razões pelas quais as pessoas também não falam sobre compartilhar suas opiniões, bem como preferem ficar para trás em vez de fazer sua presença conhecida, é porque têm a crença errada, mas confiante de que outras pessoas ao seu redor podem fazer muito melhor do que eles. 

17. “Eu sou inútil”

Os pensamentos de inutilidade pessoal também são uma crença limitante muito comum e afetam as pessoas que têm essa percepção de si mesmas, pois se pensa que sempre estragam tudo. 

Essa crença atua como uma dupla vantagem, por um lado, para ficar na zona de conforto, já que é o único lugar onde pode ‘servir a alguma coisa’ e como uma justificativa para evitar vencer seus problemas.

18. “Eu não tenho coragem”

Sentir que não merecemos algo é o mesmo que se sentir inútil para conseguir algo, pois se percebe como uma pessoa sem valor e, portanto, merece tudo de ruim que acontece ao seu redor ou pior, gera ações para que tudo na vida deles parece negativo para eles.

19. “Não sou pessimista, sou realista”

Outro exemplo claro de crenças limitantes são os pensamentos pessimistas, afinal como é possível ser encorajado a vivenciar algo se você acredita que tudo vai dar errado? Então, eles preferem ir com uma atitude derrotada. 

Quando esse pensamento é muito comum, ele se torna parte da vida cotidiana.

20. “Eu não sou culpado pelo que acontece comigo”

Embora algumas pessoas afirmem que tudo de ruim que acontece ao seu redor se deve à sua causa ou ao seu baixo valor, essas pessoas acreditam que as ações daqueles ao seu redor são a causa de seu fracasso. Ou porque as pessoas são invejosas, quando é totalmente falso.

21. “Se fosse de outra forma”

‘Se eu tivesse mais dinheiro’ ‘se eu tivesse estudado tal coisa’ ‘se eu não tivesse tomado essa decisão’ ‘se eu tivesse outra chance’. 

O passado só nos ajuda de uma forma: ao nos ensinar, todas as consequências de nossas ações nos deixam aprender a melhorar, mas nunca são uma desculpa para nos reter ou nos impedir de continuar buscando nosso caminho.

22. “O sucesso é impossível sem oportunidades”

Novamente, o momento perfeito não existe, é um erro justificar o medo de enfrentar o desconhecido, por isso é preferível adiar até que chegue a oportunidade ideal. Mas, quando é a oportunidade ideal? Muitas histórias de sucesso vêm da luta árdua de quem o fez, em vez de ser um presente. Então, o que você está esperando?

23. “É inútil fazer isso”

Por que se esforçar se nada vai melhorar? A única maneira de crescer é trabalhar para isso, fortalecer nossas habilidades e manter o bom humor. Desta forma é possível enfrentar os obstáculos com sucesso, mas se nos restringirmos e tivermos uma atitude negativa não obteremos um resultado favorável, então o caminho não parecerá valer a pena.

Você tem uma dessas crenças que está te limitando?

Deixe uma resposta