45 Perguntas existenciais que todos devem fazer a si mesmo

45 Perguntas existenciais que todos devem fazer a si mesmo

Se você tem dúvidas sobre o rumo de sua vida e o que deseja fazer no futuro, é hora de se perguntar.

É muito comum que em algum momento de nossas vidas nos sintamos um tanto perdidos quanto ao rumo que queremos tomar. O futuro é incerto, por mais que planejamos o que queremos fazer, estudar ou trabalhar, já que não podemos saber o que nos espera ou se teremos sucesso no caminho que decidimos percorrer.

Mas, isso não significa que estejamos destinados ao fracasso ou que devamos desistir antes de tentar fazer algo, mas que é hora de buscar orientação para reencontrar nosso horizonte. Para isso, você pode levar em consideração várias opções.

Você pode começar respondendo a estas perguntas simples que o farão refletir sobre sua vida atual e tomar uma decisão.

1. Para mim, qual é o sentido da vida?

Você deve se perguntar: a vida tem um significado que você deve seguir? ou é você quem propõe o sentido para a sua vida? Muitos especialistas e filósofos se esforçaram para responder a essa pergunta, mas só você pode descrever a maneira como deseja viver.

2. Como quero me ver daqui a 5 anos?

Ter uma visão de si mesmo no futuro próximo permitirá que você tenha uma perspectiva do que está fazendo da sua vida agora e o quão longe está de alcançar o futuro perfeito.

3. Eu tenho o que é preciso para realizar meus sonhos?

É necessário questionar continuamente se temos à nossa disposição todas as ferramentas de que precisamos para cumprir os objetivos que nos propusemos. Mas, acima de tudo, se estivermos agindo nesse sentido.

4. Devo seguir meus sonhos?

Embora, às vezes, não consigamos conseguir aquele emprego dos sonhos ou estudar a carreira desejada. Devemos ter um plano de backup que se assemelhe ou uma vocação secundária pela qual ainda somos apaixonados.

5. Como quero que as pessoas falem sobre mim profissionalmente?

Nossa profissão será de grande importância na carta de apresentação em nosso futuro. Pois isso nos permitirá manter um estilo de vida e, acima de tudo, nos alimentarmos todos os dias. Portanto, pare um momento para pensar em como você deseja que eles vejam sua trajetória de carreira.

6. É possível saber se estamos tomando a melhor decisão?

Como sabemos quando estamos tomando uma decisão boa ou ruim? É quase impossível saber a resposta. Bem, são os resultados que o dizem claramente. Portanto, a melhor maneira de fazer isso é pensar em todos os cenários possíveis com cada decisão e se preparar para eles.

7. Qual é o meu plano para continuar crescendo?

Quando você terminar seus estudos, você conseguirá um emprego e seu esforço permanecerá lá. Ou continuará em busca de novos conhecimentos e ferramentas que lhe permitam melhorar não só em sua área de atuação, mas em sua vida?

8. Qual a função que devo ter como adulto?

Responsabilidade é a palavra que mais nos caracteriza como adultos, mas quão amplo é o seu alcance? Ser adulto não é apenas ter critérios, mas ter a oportunidade de abrir milhares de portas.

9. Por que sonhamos?

Você sabia que existe uma razão pela qual sonhamos? Freud criou uma teoria sobre os sonhos, que reflete não apenas nossas situações cotidianas, mas nossos desejos reprimidos, as oportunidades que nos são apresentadas e o quanto nos sentimos confortáveis ​​com nossa realidade, que só discutimos no inconsciente.

10. Nossos sonhos têm algum significado?

Muitos dos nossos sonhos parecem sequências de imagens distorcidas. Mas, novamente, Freud nos diz para nos concentrarmos no que essas imagens significam para nós. É aí que você encontrará a resposta.

11. Somos realmente livres ou estamos em um círculo vicioso?

Qual é a liberdade? Você é uma pessoa livre ou você está preso em um ciclo vicioso de infelicidade? A melhor maneira de descobrir é observando seu progresso sobre seus estados de estagnação, o que é maior?

12. Tenho tudo o que quero?

Esta é uma questão mais subjetiva, por isso recomendamos que você a veja dessa perspectiva e não se concentre em seus bens materiais. Eles podem ser substituídos, mas você pode se arrepender de não ter feito o que deseja.

13. Tenho tendência a gastar meu dinheiro com coisas que quero ou preciso?

Um grande discurso que o fará refletir. Não se trata de julgar ou punir a si mesmo, mas de ver quais são suas prioridades e onde você está gastando seus recursos para ter a vida que deseja.

14. Como seria minha vida se fosse uma pintura?

Esta é uma maneira muito criativa de dar sentido à sua vida quando você não consegue expressá-la. Afinal, uma imagem vale mais que mil palavras. Mas a melhor parte é que você sempre pode encontrar uma tela em branco e começar de novo.

15. Por que culpamos as pessoas pelo que fazem?

A tendência de julgar é natural nas pessoas, mas qual é o seu propósito? É uma espécie de comparação com o modo como você deseja viver sua própria vida?

16. Como o universo começou?

Mesmo que pareça abstrato ou desnecessário. Esse tipo de pergunta desperta seu gênio criativo e imaginativo. O que ajuda muito a resolver problemas do dia a dia, bem como a mostrar que tudo o que foi criado veio do nada, até se tornar algo com muito esforço.

17. O que há depois da morte?

Existem muitas histórias sobre a vida após a morte ou as experiências daqueles que tiveram uma experiência íntima. A morte é um assunto que os cientistas ainda não conquistaram.

18. Como você se descreveria?

Você é capaz de se descrever? Se sim, preste muita atenção em como você descreve e combina seus pontos fortes e fracos.

19. Qual é a fórmula para ser feliz?

O que você precisa para ser feliz? Para responder a essa pergunta, primeiro você deve ter em mente o que a felicidade significa para você. Só então você saberá se pode alcançá-la.

20. Quem eu quero que esteja ao meu lado?

As pessoas que estão conosco (familiares, parceiros e amigos) têm uma contribuição significativa em nossa vida. Se você quer positividade, cerque-se daqueles que o encorajam, em vez de cortar suas asas.

21. Como quero que seja meu relacionamento amoroso?

Os relacionamentos amorosos são uma parte muito importante da vida, pois é uma pessoa com quem compartilhamos muitas experiências íntimas. Portanto, você deve pensar sobre o tipo de relacionamento que deseja e merece ter.

22. Emoção ou razão?

Você costuma se deixar levar por suas emoções ou é uma pessoa lógica? Depende das situações em que podemos nos inclinar para a emoção ou a razão, mas o mais prático é encontrar um equilíbrio entre ambas.

23. Como podemos diferenciar o bem do mal?

O que é bom? O que é mal? Uma maneira muito prática de distingui-los é o dano ou benefício que causamos aos outros com nossas ações.

24. Estamos sozinhos no universo?

Quer você acredite em vida extraterrestre ou não, esta pergunta vai lhe dar um pouco de reflexão sobre sua flexibilidade mental. Você é uma daquelas pessoas que pode aceitar fatos novos? Ou você se apega firmemente às suas crenças?

25. Se existisse vida extraterrestre, como eu poderia me comunicar com eles?

Enquanto estiver lá, ele demonstrará sua própria capacidade de interagir com as pessoas e aceitar suas diferenças. Bem como se é você quem dá o primeiro passo para uma conversa ou se prefere ficar para trás.

26. Como saber se um relacionamento nos beneficia?

Esta pode ser uma pergunta muito simples, mas quando estamos apaixonados é difícil perceber os defeitos do nosso parceiro. Lembre-se de que um bom relacionamento é aquele que o ajuda a crescer e no qual você pode compartilhar seus sucessos e fracassos.

27. O que podemos fazer para ter um relacionamento saudável?

Os relacionamentos merecem esforço e dedicação constante, pois amar não basta para um casal ficar junto. Eles precisam ter uma rotina dinâmica, funcional, diversão, comprometimento, respeito e muita alegria.

28. O que torna as grandes maravilhas do mundo tão especiais?

Certamente você conheceu algumas das 7 maravilhas do mundo, mas você já se perguntou o que as torna espetaculares? A resposta é um conjunto de várias características: história, beleza, fabricação. Todos nós podemos ser maravilhas porque somos compostos por várias características que nos tornam únicos.

29. Por que o arco-íris surge depois que chove?

O que está por trás desse belo fenômeno? Em vez de sua explicação científica, você deve ver isso como uma metáfora de que tudo que é cinza pode ter uma cor quando iluminado. O mundo tem diferentes tons que representam todos os aspectos de nossa vida.

30. Algum dia seremos capazes de alcançar as estrelas?

Um homem pode andar na lua… por que não? As coisas mais incríveis que aconteceram pareciam impossíveis na época, isso mostra que se você pode sonhar, você pode criar.

31. Podemos viajar no tempo?

Mas, mais importante, o que você faria se pudesse viajar no tempo? Você teria a capacidade de corrigir seus erros? ou você poderia aprender mais com eles?

32. Qual é o alcance da minha imaginação?

A imaginação é a arma mais poderosa que temos para avançar, não apenas por causa de nossa capacidade de criar e inventar. Mas para resolver os problemas que surgem em nosso caminho e ver o mundo de forma diferente.

33. Do que mais sou capaz?

Você conseguiu tudo o que tinha até agora, mas o que mais você pode fazer? Sempre podemos desenvolver novas habilidades ou adquirir novas habilidades para nos ajudar em nosso futuro.

34. Como é possível medir o sucesso da vida?

Novamente, nisso você deve primeiro responder a si mesmo: o que é sucesso para você? Nem todo mundo tem a mesma concepção disso e para medir o seu sucesso você só precisa ver se está vivendo o que pensa que é. Se não, o que você está esperando para mudar?

35. Por que geralmente me sinto assim?

Nem sempre estamos de bom humor e isso é normal, mas para algumas pessoas, ter um humor específico é quase normal, pois faz parte do seu dia a dia. Mas o que é que desencadeia essa emoção? Isso te beneficia ou te machuca? Você pode aprender com isso?

36. Serei capaz de melhorar meu comportamento?

O mundo está em constante movimento e, portanto, nosso próprio mundo está em constante dinamismo e mudança. No entanto, se você reluta em aceitar mudanças e manter uma teimosia constante, a melhoria e o avanço podem ser uma caminhada difícil.

37. As pessoas podem mudar?

Levando em consideração a questão anterior e o que falamos sobre o dinamismo do mundo e a negatividade de aceitar as mudanças. Será que as pessoas podem mudar? Porque tudo depende da atitude das pessoas e da sua forma de perceber o mundo.

38. Como posso melhorar minha vida agora?

É normal que você queira melhorar sua vida ou ter crescimento pessoal, mas sente que não sabe por onde ir ou por onde começar. Portanto, você deve fazer um plano de ação com pequenos objetivos para atingir sua meta final e revisar o que você precisa e como pode obter.

39. É possível aprender com nossos erros?

A única maneira de melhorar é ver onde erramos. Então o ideal com nossos erros é corrigi-los e aprender com eles para não tropeçar na mesma pedra. Embora alguns prefiram ficar em sua zona de conforto e não enfrentar suas dificuldades.

40. Sou bom em relacionamentos?

Se você teve um coração partido ou se está em um relacionamento atual. É muito válido que você se pergunte isso para avaliar suas ações, decisões e compromisso com seu parceiro.

41. Eu valorizo as coisas que tenho?

Em mais de uma ocasião, questionamos se somos gratos pelo que temos ou, melhor, tendemos a reclamar. Mas, quais são esses cenários? É normal que queiramos melhorar nossa situação atual, mas também devemos valorizar o que conquistamos.

42. Posso viver tudo o que quero ou a vida é muito curta?

Conhecer a realidade da vida é importante para planejar nosso futuro, a realidade é que não somos eternos. Mas por que devemos viver com pressa? Idealmente, temos um equilíbrio saudável entre parar a procrastinação e viver de maneira relaxada.

43. Serei fraco se mostrar minhas emoções para os outros?

Por que mostrar emoções é sinônimo de fraqueza? A verdade é que nossas emoções são o que nos torna humanos. Embora, claro, seja importante aprender a inteligência emocional para que você possa ter melhor controle de suas emoções para expressá-las nos momentos certos.

44. A vida é injusta?

Depende, veja como foram aqueles momentos em que você pensava que a vida era injusta. Foi porque você não conseguiu realizar algo, porque não conseguiu comprar o que queria ou porque perdeu uma oportunidade. Tem certeza de que não tem envolvimento aí também?

45. Como saber o que é a coisa mais importante da vida?

Qual é a coisa mais importante da sua vida ou a coisa mais importante que você deseja ter na vida? Reserve um momento para avaliar sua situação e relembrar o que o faz sorrir ou o que o faz experimentar novamente. Em seguida, tome uma atitude nesse sentido e explore tudo o que a vida tem a oferecer.

Com essas perguntas, você pode ter uma direção um pouco mais fixa de onde quer ir e se está indo no caminho certo.

Deixe uma resposta