5 Segredos para criar filhos honestos e responsáveis

You are currently viewing 5 Segredos para criar filhos honestos e responsáveis

Quando temos um filho, nos encontramos na difícil missão de criá-lo e lhe dar o melhor que podemos, mas também temos a tarefa de torná-lo uma pessoa honesta e responsável, uma pessoa de bons valores que atua de uma maneira sensata.

Quando as crianças são muito pequenas, é difícil incutir nelas certas atitudes ou compreender certas situações, mas tudo vai depender de nós mesmos, de quanto esforço colocamos em sua educação e quanta dedicação para compreender a criança. Neste artigo, veremos algumas dicas que nos ajudaram a criá-lo de maneira saudável, tornando uma pessoa boa para a sociedade.

1. Dê o exemplo

As crianças são pequenas pessoas em um estágio de absorção de conhecimento e aprendizado puro. É por isso que tudo o que os cerca os nutre, eles aprendem com você, sua família, seus amigos, os pais de seus amigos, seus professores e todos os que estão próximos a eles.

Como pai, é importante que você tenha uma linha clara de pensamento e ação para que a criança aprenda com você, para que ela possa aprender sobre honestidade e responsabilidade, porque você mostra a ela que você é assim. 

Os filhos também admiram os pais e que melhor maneira do que transmitir esses valores para que possam repeti-los mais tarde.

2. A comunicação é o pilar

A comunicação é o pilar das relações e neste caso não é exceção. Se você deseja que seu filho seja respeitoso, honesto e responsável, você deve dialogar com ele. Você precisa ensiná-lo sobre moral, sobre dever e sobre o que você acha que é certo e o que é errado.

As crianças têm diferentes momentos de compreensão, mas compreenderão perfeitamente tudo o que você quiser lhes ensinar. Por isso, é importante que você converse com ele sobre esses assuntos, que você o faça pensar nas coisas que você faz e no que ele faz, que ele distinga o bom do ruim e que ele possa escolher quanto a isso.

3. Ensine sobre respeito

Respeito é fundamental quando se trata de ensinar seu filho a ser honesto e responsável, porque aprender a ter consideração pelas outras pessoas, pela natureza, pelas coisas que o cercam, pelas leis e muito mais é a chave para seu aprendizado.

Fazer com que a criança aprenda a respeitar será essencial para sua vida. A princípio porque permitirá que ele more com você sob o mesmo teto, respeitando você, as outras pessoas da casa, os animais e as leis de convivência que você impõe. Mas, também permitirá que você se relacione com o mundo exterior sem ofender ou magoar ninguém e ser uma boa pessoa.

4. Lhe dê responsabilidades

Uma tarefa importante para o crescimento dos filhos e a busca pela honestidade e responsabilidade é que você proponha situações pelas quais eles tenham que se responsabilizar. Bem, isso vai ensiná-los muito e torná-los responsáveis. 

Você pode encarregar seu filho de cuidar do animal de estimação, alimentá-lo, cuidar dele, protegê-lo, dar amor, atenção e atender às suas necessidades. Você pode designar a tarefa de cuidar de uma planta, você pode pedir para ajudar a cozinhar, limpar ou em qualquer tarefa que lhe ocorrer. 

O que importa é que você se encontre na situação de ter que fazer algo e dar o seu melhor. Isso os ajudará a se tornarem responsáveis ​​e honestos.

5. O apoio é essencial

Todas as crianças precisam do apoio dos pais porque precisam se sentir cuidadas, protegidas e, acima de tudo, amadas. São pequenas pessoas em crescimento que cometeram erros repetidamente, como todos nós cometemos quando crianças. É por isso que o apoio é uma parte fundamental da paternidade.

As crianças farão coisas que serão erradas ou que carecem de verdade ou respeito, cabe a você conversar com elas sobre isso e ensiná-las. Nesta difícil tarefa, é importante que você nunca pare de apoiá-lo. Ou seja, mostre a ele o que ele fez de errado, mas na hora de explicar, apoie e o acompanhe para resolver, consertar, ter outra chance de acertar. 

Isso irá motivá-lo e lhe dar autoconfiança, que é o que você precisa para ser uma grande pessoa.

Deixe um comentário