A história do cozinheiro – Uma parábola que vai te fazer repensar suas escolhas!

A história do cozinheiro – Uma parábola que vai te fazer repensar suas escolhas!

Hoje quero compartilhar com vocês uma pequena fábula que recebi de um amigo.

Diz a lenda que um cozinheiro do rei decidiu cozinhar um peixe para seu rei, o peixe estava claramente estragado.

Como esperado, o rei adoeceu por comer aquela comida estragada e mandou chamar o cozinheiro para lhe dar uma lição.

Assim que o cozinheiro chegou, disse-lhe: “Me causaste grande mal cozinhando para mim aquele peixe em decomposição, pelo qual serás condenado à morte”…

O cozinheiro, em sua defesa, argumentou: “Mas meu rei, você nos disse que o reinado está em crise, e que há fome, o que fiz foi seguir suas instruções para não desperdiçar comida, pensei que não ia adoecer“.

O rei refletiu e reconsiderou sua punição brutal.

“Ok, de qualquer maneira você receberá uma punição, você escolhe o tamanho que deseja”.

“A primeira opção é comer o peixe que cozinhaste para mim”…

“A segunda é receber 10 chibatadas”

“E a última, pagar 10 moedas de ouro, seu pagamento por um ano inteiro”.

O cozinheiro então, escolheu a primeira opção.

Comer peixe podre.

Ele começou a comer o peixe e, de repente, não aguentou mais, vomitou e começou a ficar doente rapidamente.

Vendo isso, os guardas o persuadiram a pagar as 10 moedas e acabar com a punição.

Mas o cozinheiro estava determinado a economizar esse dinheiro, então pediu para receber a próxima punição, 10 chicotadas nas costas.

Eles tiraram sua camisa e começaram a chicotear.

1, 2, 3, na quarta chicotada o cozinheiro não aguentou mais e gritou como um louco: “Chega, tenha misericórdia, vou pagar as 10 moedas, por favor”.

O cozinheiro acabou pagando as 10 moedas e com isso recebeu todas as punições.

Ele comeu o peixe podre, recebeu 4 chibatadas e pagou as 10 moedas de ouro.

De certa forma, essa história é vivida por centenas de pessoas o tempo todo.

Tentam o caminho simples sem resultados, procuram ter tudo sem investir (poupando as moedas), procuram soluções gratuitas (peixes podres), depois soluções que não funcionam para eles (produtos baratos sem resultados, chicotes que só perdem tempo, dinheiro e esforço) para acabar pagando pelo que funciona (finalmente investindo em algo que os levará a resultados).

Se essa fábula faz sentido para você, você não quer agir como o cozinheiro…

Deixe uma resposta