Ficar sem café por um mês: O que acontece? A ciência explica!

Ficar sem café por um mês: O que acontece? A ciência explica!

Você é fã de café? Você acha que não poderia ficar sem? Se você acredita que o café é a sua “poção mágica” para dar o impulso que você precisa, sempre e em qualquer caso, continue lendo, você pode mudar de ideia!

Sem café por um mês, todos os efeitos colaterais!

O café é uma bebida energética conhecida em todo o mundo por suas propriedades. A cafeína do corpo aumenta a vitalidade, mas parar de tomar café por um mês tem múltiplos efeitos.

Eliminar o café da dieta por apenas 30 dias pode causar dores de cabeça frequentes, dificuldade de concentração, estresse e aumentar a sensação de fome. Foi o que descobriu um grupo de pesquisadores de Boston, que submeteu cerca de 600 pessoas a pesquisas, estudando os efeitos em seus corpos após a eliminação do café por um mês.

Os efeitos colaterais não são permanentes e podem ser mitigados se, em vez de eliminar drasticamente o café, seu consumo for reduzido gradativamente.

Efeitos indesejáveis:

A cafeína estimula a produção de adrenalina e dopamina, eliminá-la da dieta pode causar dores de cabeça e dificuldade de concentração. Mas, os especialistas garantem, os efeitos duram até sete dias, basta dar tempo ao corpo para se acostumar.

Parar o café faz com que o corpo produza adenosina, uma substância que causa fadiga. O desequilíbrio que ocorre favorece o aparecimento de enxaquecas muito dolorosas.

Sem cafeína, você pode se tornar agressivo e irritado!

Estudos confirmam que parar de tomar café pode te deixar temporariamente agressivo e irritado. Também neste caso, o efeito negativo dura cerca de uma semana. Além disso, a eliminação repentina do café da dieta pode desencadear verdadeiros ataques de fome de origem nervosa.

Deixe uma resposta